>Crônica Inusitada de Natal

Um comentário sobre “>Crônica Inusitada de Natal”

  1. >Belas palavras caro Adriano. Digamos que profundas como a angústia das pessoas em seres vistas como apenas pessoas, gananciosa como a busca pela admiração alheia e valoroza como Aquele que Fala ao coração.Tenho algo a dizer sobre o altruísmo, mas dedicarei um pequeno post para tal.E como dizia Zé Ramalho…"Vocês que fazem parte dessa massa…povo marcado, povo feliz…" Dependendo de qual ponto de vista se utilize, viveremos como bois, ou reis!Grande abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s